Campanha de Resgate aos Reais Valores Humanos

Por Joséli Costa Jantsch Ribeiro

Queridos leitores e amigos ou, quem sabe, seria melhor, queridos amigos-leitores…

Ontem recebi um pedido muito especial, de dois amigos “faladores” muito especiais, do Blog “Ponto de Conversa”, Samira Moratti e Gilberto Rateke Jr., o de divulgar no meu espacinho a “Campanha a Favor do Resgate dos Reais Valores Humanos”.

Campanha esta da qual participarei, com orgulho, pois tem tudo a ver, com o que penso e acredito, fato este comprovado pelo último texto postado por mim neste espaço e por aqueles postados por meu pai no espaço dele e que, infelizmente, não têm mais sido veiculados pelos jornais de meu estado, apesar de freqüentemente estarmos enviando o material para a redação de Zero Hora.

Quero lhes fazer uma pergunta simples, quantas vezes nos últimos meses vocês se pegaram pensando nos reais motivos que levam o ser humano a ser tão violento e tão desonesto consigo e com seus semelhantes?

Pois bem, seja qual for a sua resposta e, depois de muito pensar a respeito, cheguei a algumas conclusões, que acho que devem ser compartilhadas aqui…

A corrupção e a falta de escrúpulos que temos visto constantemente na mídia, nada mais são do que o reflexo de nossas atitudes como cidadãos do mundo, cidadãos que há muito deixaram de lado as essenciais e reais virtudes dos seres humanos, tais como: Respeito, Amor, Sinceridade (Verdade/Honestidade), Liberdade, Igualdade, Humanidade, Solidariedade, Amizade, entre outros tantos. Enfim, todos aqueles sentimentos e virtudes que cada ser humano deveria ser ensinado a praticar a fim de construir um mundo melhor!

Por tudo isto, nós (internautas brasileiros) decidimos unir forças para divulgar esta Campanha que tem por ideia central a elaboração de uma forma, realmente eficaz, de chamar atenção, principalmente, de nossos governantes e políticos, mas também da sociedade em geral.

Mas, como faremos isso, bem o passo inicial foi dado por nossa querida Faladora Samira Moratti, através de uma carta endereçada aos políticos brasileiros e que deve ser, sem sombra de dúvida, veiculada por todos nós em nossos espaços virtuais. Sem, é claro, esquecermos que o foco principal da Campanha é a demonstração do desejo que, todos nós, brasileiros, temos de mudança!!!

Muitos de vocês, podem estar se perguntando, porque tomei a decisão de participar deste movimento. Bem há vários motivos:

Talvez pelo fato de ter participado ativamente do Movimento Cara-pintada e do Movimento contra o Desarmamento e, de ter, em ambos os casos, conseguido fazer valer o que de fato pensava; é que, felizmente, não sou, como a maioria da população, resignada aos acontecimentos, sejam eles políticos, econômicos ou sociais!

E, também por acreditar que a inércia, neste caso, não é uma boa companheira. Devemos acordar para a realidade, ou seja, tentar de alguma forma fazer a diferença, pois será através do esforço de cada um de nós, através dos meios que dispomos, que conseguiremos mostrar que um Brasil melhor é possível!

Temos,nas palavras de meus queridos amigos, “que mostrar aos governantes que estamos acordados, que estamos dispostos a requerer nossos direitos e praticar nossos deveres. Queremos mudança!”

E, para tanto, pedimos, de coração àqueles que puderem que divulguem esta Campanha em seus sites e espaços virtuais, bem como, através de e-mails e sites de relacionamento como Orkut e outros tantos. E, àqueles que tiverem acesso a ONGs que, por bem as avisem desta Campanha.

Por fim, um último pedido, como esta Campanha tem por finalidade, o bem-estar de toda a sociedade, achamos por bem, que a mesma deve ser veiculada, sem a atribuição de créditos a “A”, “B” ou “C”. Pois, se Deus permitir, muito em breve, ela se tornará uma bandeira de todos nós…

Desde já, agradeço a todos, pelo interesse e divulgação,

Joséli Costa Jantsch Ribeiro

P.S.1: no site http://pdconversa.blogspot.com encontram-se as listas de e-mails dos Deputados Federais, de nossos Senadores, de alguns dos Ministérios do governo e também do Presidente e Vice-presidente da República.

P.S.2: CARTA ENVIADA AOS POLITICOS
“Excelentíssimo (a) Senhor (a),

Venho por meio desta demonstrar, não só a minha, mas a indagação de tantos outros brasileiros que, como eu, se perguntam do por quê estar acontecendo tantas coisas, não só na Câmara dos deputados, mas também no Senado, nos Ministérios e na presidência. Acontecimentos estes que demonstram a fragilidade e a falta de valores com que o nossa política vive hoje.
Estamos chegando perto das eleições, e muitos, inclusive da categoria de Vossa Excelência, pensam em recandidatar-se. Mas pergunto: O que verdadeiramente Vossa Excelência oferecerá ao POVO, a SOCIEDADE?
Vimos que os anos de 2004 e 2005 passaram em nossas vidas com muitos escândalos políticos, muita corrupção desenfreada, mau uso de verbas públicas e a maneira como muitos políticos vêm atuando no governo, fazem com que muitos, não somente eu como brasileira, vejam a todos os políticos e a seus comportamentos de forma duvidosa. Mas tudo isso que aconteceu, tanta corrupção e mau forma de governar que foram expostas já vem acontecendo há muito, e não somente agora. Podemos ousar dizer que desde os primórdios do Brasil Colônia. O político não é mais, hoje, uma pessoa de bem, que ajuda, que trabalha a favor do povo. Essa é a visão dos brasileiros. A política no Brasil está totalmente desacreditada. Transformou-se em uma empresa, onde há de tudo, para todos que nela atuam, menos para os que estão de fora, seus ‘consumidores’, que somos nós, brasileiros.
O Brasil é um dos países que possui as maiores taxas de impostos do mundo. O brasileiro, que ganha pouco e trabalha de forma indigna para qualquer ser humano, paga muito alto por tais impostos, e não recebem ‘as suas mercadorias’ com qualidade. Hoje, as verbas que eram para ser utilizadas em saúde, educação, infra-estrutura, se esvai facilmente até chegar ao seu ponto final. Passa pelos governos, pelas prefeituras e quando chega à população, chega pouco e má distribuída. Por que chega pouco? Porque é desviada em seu percurso, por pessoas que se julgam ser de ‘bem’, mas que usam de forma ilícita todo esse dinheiro, que existe porque mais de 180.000.000 de brasileiros lutam para pagar.
Os brasileiros, por mais que não tenham educação e muito menos trabalho digno, passaram a abrir os olhos, ante a tanta barbaridade que vem acontecendo na política. E não só aqui no Brasil mas em tantos países subdesenvolvidos, vemos que as revoltas por parte da sociedade como um todo estão acontecendo com freqüência. As pessoas não estão mais se deixando levar por qualquer conversa. É por isso que indaguei: O que Vossa Excelência oferecerá a sociedade, de agora em diante?
Será que as corrupções continuarão? O uso claro e aberto, sem constrangimento, de Caixa 2? Pensemos: o verdadeiro político, que sabe falar e agir corretamente não precisa usar deste subterfúgio para ganhar uma eleição. É claro que ele tem que usar e divulgar sua imagem, mas não precisa abusar.
Vemos que muito dinheiro corre pelas veias econômicas do próprio governo e muito pouco é revertido à população. Prova disso, e que qualquer economista sabe muito bem, que o próprio governo consome 40 % do PIB. A própria população já luta sozinha para que muita corrupção acabe, para que muita esperteza se dissolva. O brasileiro está exigindo seus direitos e cumprindo seus deveres. Age por conta própria quando algo não vai bem. Coloca a ‘mão na massa’ quando a prefeitura ou o governo se recusa a calçar sua rua. Se une em comunidade para ter uma vida melhor.
Creio que, não só a Vossa Excelência antes de chegar ao poder, mas muitos outros políticos saíram de uma vida pobre, uma vida humilde. Eram pessoas como nós, brasileiros, que hoje mendigam uma ação benéfica. Muitos chegaram a viver de forma desumana, tal era a pobreza com a qual conviviam. E quando chegaram ao poder, com vontade de mudar, muitos foram repelidos pelos grandes coronéis da política que já estavam na política, os ameaçando que, se não andassem conforme o que eles mandavam, não poderiam lá estar. E isso não só aconteceu, como acontece. Vossa Excelência há de concordar comigo. Mas nós, brasileiros, ainda temos esperança e fé, sentimentos que jamais perdemos, pois sabemos que a diferença pode ainda surgir. E essa diferença pode estar em Vossa Excelência, assim como muitos outros.Vimos à banalização com a qual muitos políticos queriam infligir ao dinheiro público, exigindo aumentos absurdos de seus salários, bem como inúmeros auxílios. Sei que é uma tarefa árdua, ter que comandar e organizar uma nação, mas Vossa Excelência não o faz sozinho, para isso, tem seus aliados. Então, por que aumentar salário? Veja: muitos pais de família, que moram em favelas, em casebres, ganham um salário mínimo para sustentar toda uma família, que muitas vezes possui inúmeros indivíduos que a constituem, e assim são felizes. Por que então exigir um salário maior por um trabalho com o qual Vossa Excelência não atua sozinha, e ainda trabalha da forma que se deve trabalhar, e muitas vezes nem isso: menos de oito horas diárias, menos de 40 horas semanais? Esse mesmo pai de família trabalha mais de 60 horas semanais, sem direito a alimentação e muitas vezes sem direito a transporte? Tem que tirar tudo isso de seu mirrado salário? Enquanto muitos políticos e governantes andam de carro, pago com dinheiro público, com a gasolina também paga com verba pública, e recebem salários, muito bem pagos, também com a mesma verba pública.
Vossa Excelência, reflita: o brasileiro não está mais vivendo na passividão. O voto de cabresto e a vida comandada passou. A democracia no Brasil não é vivida completamente, disso sabemos, mas os brasileiros não são cegos. Acompanham diariamente tudo o que ocorre, e tantos políticos assim o sabem, que estão correndo contra o tempo, não medindo esforços para limpar a sua imagem perante a tantos eleitores. Como disse, o brasileiro tem pouco estudo, mas não está morto. Não é idiota. Nós estamos vendo a tudo, e iremos cobrar.
Vemos as revoltas que estão acontecendo e que assim estão mostrando aos políticos que a população está cobrando seus direitos e correndo atrás destes, mesmo que muito tempo demore. Se procurássemos saber a porcentagem dos que recorrem à justiça brasileira, veríamos o que eu digo.
Que não somente Vossa Excelência, mas muitos outros políticos possam fazer campanha à reeleição convencidos de que a sociedade mudou. De que estamos acordados, atentos e saberemos escolher muito melhor nossos próprios candidatos. O brasileiro é sujeito a todo tipo de pesquisa, seja no Ibope, na Data Folha, mas quem nos diz que essas pesquisas de fato se sucederão? Pode ser que, no dia das urnas, o brasileiro mude de opinião, e escolha aquele político que menos se esperava que ganharia, para governar nosso país.
Portanto, que todos os políticos possam agir de forma benéfica, para o próprio bem de todos. A extinção de uma classe corruptível está para chegar, e espero que Vossa Excelência esteja na classe de políticos que agem a favor do povo e de forma lícita.
Que nessa eleição, as campanhas a reeleição e eleitoreiras possam ser feitas na época certa, e não como muitos a fazem, de forma indireta, indo em programas da mídia, elaborando e fazendo obras dizendo que “é a favor do povo, e como ainda está no poder, pode e tem o dever de fazer” somente para ludibriar o povo. Pode ser que ludibrie alguns, mas não todos. E fazê-la de forma correta, no tempo certo, é isso que faz a diferença.
Que os valores como dignidade, humildade, ação, paciência, coragem e sinceridade possam ser resgatados, por todos os políticos, inclusive por Vossa Excelência. Principalmente entre os políticos vemos que esses valores foram extintos e deram lugar à corrupção, mentira, vandalismo público, roubos e tantos outros que seriam inumeráveis. Que eles possam vir a ser extintos.
Vossa Excelência. Muitos ainda guardam esperanças na vossa pessoa. Muitos ainda tem fé de que Vossa pessoa possa mudar, para melhor. E se já o for, que continue sendo. Muitos inclusive querem vos ver reeleitos, mas para isso, deve-se mudar onde não está indo tão bem assim.
Que nós possamos ter um país mais digno, com a saúde e os hospitais sejam de qualidade, e que os atendimentos feitos em tais também sejam mais que qualificados.
Que a educação atinja a todos e que o ensino superior possa ser realmente de graça, para muitos que precisam, e não para muitos que podem pagar, mas que ocupam vagas de quem precisa. Que o Brasil possa sair do patamar de 71º país na lista de países do mundo inteiro em educação, e que a educação do Brasil seja um exemplo a ser seguido, inclusive de países desenvolvidos.
Que a violência possa ser dizimada, pois policiais temos a vontade e forças que podem dissolver isso. Mas para isso, é necessário que essa classe, que chega a ser maior que a própria classe de policiais dos EUA, que é um país desenvolvido, sejam bem preparados para o seu cargo e sejam severamente punidos quando praticarem qualquer ato errôneo e grave para os brasileiros e para a própria classe. Que não seja aberta somente mais uma sindicância, das tantas que são abertas e mais nenhum inquérito, como tantos são abertos, e que sempre terminam em pizza.
Que os cargos políticos e públicos venham a ser ocupados por quem realmente passou por concursos, sendo capaz para isso e não por meio de Nepotismo, nem nepotismo cruzado e muito menos de forma ilícita, viabilizando conhecidos. Vemos que há mais cargos políticos do que realmente se necessita, e muitos que lá trabalham, muitas vezes, nem trabalham e só recebem o dinheiro público por simples compassidão com a qual seus “padrinhos” ofereceram a tais.
Que as obras para a infra-estrutura do Brasil possam ser elaboradas de forma definitiva e duradoura e não simples operações passageiras, que serão deixadas para que o próximo político que assuma o poder as pegue e seja injustiçado pelo que não cometeu.
Que os partidos políticos possam agir entre um bem comum e não com posse errônea de poder e briga por tal. Que possam se unir, fazendo a devida distinção de seus idéias, mas sem deixar que isso atinja de forma errada a alguém ou a um partido e/ou governo.
Que o Brasil respeite seus idosos, não os humilhando e nem deixando que seus servidores públicos os humilhem. Que os servidores públicos possam passar por uma série de reciclagens e treinamentos constantes, onde aprendam a amar a quem irão servir e não tratar pior do que se trata um animal. Um dia eles se verão no mesmo lugar.
Que a pirataria e toda a forma de comércio possam ser dizimados e que os brasileiros que com elas ganhavam seu sustento possam ter empregos melhores e mais dignos. Tenho certeza de que, se as verbas públicas fossem usadas de forma correta, não haveria rombo na economia do país ao se aumentar um salário. E que esta mesma economia possa paralisar por completo a inflação, pois também tenho certeza de que assim pode fazê-lo, basta realmente querer, pois assim poderemos usar os mínimos salários de forma justa, e não de forma injusta, pois muitas vezes quando se aumenta um salário, aumenta-se tudo!
Que os empresários brasileiros, que enriquecem a economia do país não sejam afligidos por tantos e inúmeros impostos, muitas vezes cobrados sem razão, e que fazem com que estes mesmos empresários soneguem. Se estes impostos fossem justos, com certeza os empresários não sonegariam.
E por fim que o nosso Brasil mostre ao mundo o orgulho de ser um país que caminha pelas próprias pernas e não que use de amizades interesseiras para com outros países, e muito menos faça amizades eleitoreiras com ditadores e outros tantos corruptores e difamadores de poder.
Que Vossa Excelência possa também ser abençoado por Deus e faça o que for de acordo com os reais e verdadeiros valores: com humildade, com vontade de mudança, com paciência, com HONESTIDADE, tanto para vós como para todos nós, brasileiros.
Contamos com Vossa Excelência e sei que podemos contar.
Em favor de um país melhor, muito grata pela atenção.
Atenciosamente,
Samira Moratti”

P.S.3: Esta Campanha não tem fins eleitorais, mas sim e tão somente, visa o implemento da participação ativa de todos nós cidadãos brasileiros, na busca de um Brasil melhor. Então, pessoal, como um último apelo, peço que ao utilizarem os endereços veiculados no POnto de Conversa, o façam de maneira educada e sem o uso de linguagem chula, palavras de baixo calão ou de palavrões. Somente através de manifestações concisas e educadas conseguiremos atingir nossos objetivos…

Anúncios

3 Comentários (+adicionar seu?)

  1. Ubiratan
    jan 31, 2006 @ 09:07:39

    Gostei desta campanha e com certeza este pensamento não vive somente em sua cabeça, eu, vc e muitos outros gostamos de fazer valer nossas verdades e como saber se seremos ouvidos, não importa, o importante é estarmos de mente calma e ter convicção de propósitos e que estes sejam sempre direcionados à mais perfeita e condicional verdade absoluta nos direitos e deveres de cada ser, devemos começar pela educação do povo e lutar para que nosso governantes não restem impunes.
    A cada dia te admito mais, espero um dia te conhecer pessoalmente, durma com seu grande anjo, guardião dos sonhos e sonhe com tempos de paz e harmonia à todos os povos,
    Ubiratan

    Responder

  2. Nina
    jan 31, 2006 @ 19:22:25

    Oiee
    Gostei muito do que disse.
    fico muito feliz em saber que está aumentando o numero de pessoas que buscam seus direitos.
    Trabalho com isso a 02 anos. Sou do Conselho Estadual do Idoso, de meu estado. E tenho visto barbaridades em relação a pessoa idosa. O que mais me assusta é que a violência vem de dentro de casa, através dos proprios filhos.Faço o que posso , e acho que faço pouco.
    Gostaria realmente que todos lembrassem que senão ficarem velhos…Irão morrer…
    Bejuxxx
     
    NiNa…
     

    Responder

  3. Silvia
    abr 15, 2009 @ 14:42:31

    Gostei da proposta e gostaria de participar.abraços

    Responder

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: