Ser ou não Ser Charlie, eis a questão. Será mesmo?!?

Por Joséli Costa Jantsch Ribeiro.

Ser ou não ser Charlie, esta definitivamente não deve ser a questão! A questão é mais ampla: ser contra ou a favor da Liberdade de Expressão! Je suis Charlie não significa apoio ao que a revista expressa, mas representa o apoio e o respeito ao contraditório, à liberdade de expressão, ao direito que tem qualquer democrata republicano de defender, falar e escrever o que bem entender, sem se preocupar em contentar Gregos ou Troianos.

O que foi profanado em Paris, foi o verdadeiro espírito da república e do estado democrático de direito, expresso por Voltaire  “Não concordo com o que dizes mas defenderei até à morte o teu direito de o dizeres”.  a liberdade de expressão é um direito de todos nós, e defender o direito alheio é um dever de todos e a única garantia que temos de viver em uma sociedade livre e justa.

Portanto, parem de propagar por aí: que os cartunistas e as pessoas no mercado, nada mais fizeram do que fazer por merecer, pois quem colhe vento, semeia tempestades! O furo é bem mais embaixo, nenhum ser humano deve ter o direito de sair por aí matando os outros, só porque estes não comungam de seu ponto de vista religioso. Sim, pois nenhuma religião, quando corretamente aplicada e interpretada, pede aos seus fanáticos que saiam por aí matando pessoas. Pedem sim, que saiam professando palavras de amor e de união.

Ninguém aqui, em nenhum momento, está lhe obrigando a comungar das ideias subversivas (humor é subversão e jamis exaltação do Politicamente Correto) da Revista Francesa, mas sim estamos lhes convidando a resgatar seu senso de Humanidade, a se colocar no lugar das vítimas e refletir: será que a vida humana vale menos do que uma opinião contraditória e polêmica sobre qualquer assunto?

Foi, por tudo isto que a grande marcha francesa, a “A Marcha Republicana”, transformou-se em um grande aglomerado em Paris, onde mais de 1,5 milhão de pessoas (4,5 milhões em toda a França), se reuniram e protestaram pacificamente sem destruir coisa alguma.

A manifestação teve início Praça da República e em sua linha de frente estavam 60 líderes de governos (entre os quais: Hollande, Angela Merkel, Benjamin  Netanyhau, Ibrahim Boubacar Keïta, Mahmoud Abbas, Matteo Renzi e David Cameron, todos de braços dados e vestidos de preto), que demonstram enorme coragem (o policiamento em nenhum momento foi ostensivo, nem mesmo na proteção direta aos governantes, apenas 5.500 agentes estavam presentes), já que não haveria como evitar um ataque terrorista. A falta de Obama foi sentida e muito comentada, assim como a falta de todos os líderes latino-americanos.

Bem diferente, do que aconteceu na Terra Brasilis, onde mal e porcamente baderneiros conseguiram reunir cerca de 1 milhão de pessoas em todo território Nacional (2014), para protestar pelo acréscimo de R$0,20 nas passagens de ônibus. E, em 2015, apenas 500 pessoas para protestar contra um aumento de R$0,50.

Educação é isto, uns lutam pela manutenção de Direitos Fundamentais (liberdade de Expressão, Cidadania, etc) e outros (paus-mandados, massa de manobra) lutam por migalhas estatais. Os primeiros, pacificamente respeitando os direitos alheios, os demais deixando um rastro de destruição por onde passaram!

Parabéns aos Franceses que souberam como ninguém honrar sua bandeira e lutar mais uma vez por Liberdade, Igualdade e Fraternidade.

Já aos brasileiros, desejo apenas algum dia desenvolvam o senso de Ordem e Progresso. Para quem sabe assim, aprenderem a Respeitar o Estado de Direito e lutarem pelo que realmente importa!

Cliente Riversides Shikki Madero é tratado assim…

Por Joséli Costa Jantsch Ribeiro

Diz a propaganda que “a vida é feita de decisões e que a cada momento fazemos opções que nos levam a um novo caminho….E, que o Riversides tem o privilégio de ser a escolha de centenas de pessoas.”

A rede inaugurada em 1992 sempre presou desde sua fundação por oferecer uma gastronomia diversificada e excelente. Entretanto, seu mais novo empreendimento, localizado na Zona Sul de Porto Alegre, O Riversides Shikki Barbecue & Asian Bistro, parece não estar muito empenhado em manter o padrão de qualidade, sofisticação e elegância dos outros empreendimentos da rede.

Desde sua inauguração, o Shikki vem lutando com problemas de atendimento, garçons mal treinados e a alta rotatividade da equipe são apenas alguns dos problemas do restaurante. Sou frequentadora regular do estabelecimento, mais na parte de Sushi confesso, no feriado do dia das crianças, fomos com um grupo de amigos jantar no Shikki…

Devo dizer, que naquela oportunidade, o atendimento se esmerou na arte de ser ruim, chegamos e fomos rapidamente estacionados em uma mesa, o garçom pegou os pedidos e mais de 30 min. depois as primeiras bebidas foram servidas e isto foi só o começo da saga que se fez mais ou menos assim:

1) As bebidas demoraram para ser servidas e ao final foram cobradas em duplicidade, fato este acontecido não somente naquele dia, mas também com outras pessoas com quem falei.

2) Como se não fosse suficiente o problema de termos que implorar para os sushimen cortarem sashimis, eles o fazem de extrema má vontade e em quantidade insuficiente. E, naquele dia, ainda por cima o salmão estava congelado e um dos sushimen estava trabalhando como dedo cortado! (Fiquei sabendo que um dos meus vizinhos passou 3 dias com infecção intestinal, após fazer uma refeição no Madero).

3) Assim, que sentamos pedimos 7 Temakis, jantamos e duas horas depois os Temakis ainda não tinham sido servidos, procurei o gerente e qual foi a resposta: Desculpe, mas estamos com problemas com os Temakis, mas aqui está um pires de Monte Fuji (uma cópia bem mal feita do Sashiburi, por sinal)…Hahaha, imagine a cena, um pires de Monte Fuji para 7 pessoas que ordenaram 7 Temakis e que mal conseguiram comer um pouco de sashimi. Fala Sério?Sem noção!

Se continuarem assim, o restaurante vai rapidinho deixar de ser uma extensão de nossas casas e passaremos a fazer nossos momentos em outros lugares, afinal não há custo-benefício que justifique este tipo de atendimento!

ENEM 2011: as trapalhadas continuam…Parte II

Por Joséli Costa Jantsch Ribeiro

Como se não bastasse o acontecido no Ceará, onde 14 das questões do ENEM 2011 foram copiadas pelos professores do Colégio Christus durante a aplicação do pré-teste e, após foram colocadas em apostilas de preparação pra o Exame, caracterizando-se assim vazamento de questões.

Hoje, descobriu-se que não foi só no Ceará que o vazamento ocorreu, em Minas uma das questões de Ciências da Natureza e suas Tecnologias constou, não “ipsis literis” (afinal o cursinho pré-vestibular Bernoulli foi mais esperto), de um simulado. A questão do caderno amarelo da prova de matemática foi copiada de modo inteligente pelo cursinho, que usou o enunciado do Enem para ilustrar exemplificadamente uma de suas questões.

Obviamente, tanto o cursinho em questão quanto o MEC negam a possibilidade de vazamento da questão. De fato, talvez neste caso não tenha havido vazamento direto das questões, mas para aqueles que não acreditam em coincidências, a pulga fica atrás da orelha!

O certo é que, a cada dia que passa, novas denúncias devam aparecer, denúncias estas que apóiem o pedido de anulação nacional da prova, que será encaminhado pelo Sindicato das Escolas Particulares de Minas Gerais ao MPF, na próxima terça-feira. Segundo a Assessoria do Sinep: “Quando existe a quebra do sigilo em exame de escola particular, o MEC exige que a escola refaça e cancele o processo seletivo. Então o sindicado esta partindo deste principio. Nada garante que este pré-teste que aconteceu no Ceará vaze para outros estados”.

Até quando, nós brasileiros, aguentaremos de braços cruzados, que se tome a medida necessária ao bom andamento do ENEM: a demissão de Haddad!

Exame da Ordem: o único jeito é estudar!

Por Joséli Costa Jantsch Ribeiro

Não adiantou, após uma tarde tensa o STF decidiu por unanimidade pela constitucionalidade do exigência de aprovação no Exame da Ordem para o exercício da profissão de Advogado!

Foi uma vitória histórica e bem-vinda  para a sociedade em geral, pois além dos ministros terem refutado definitivamente a argumentação do bacharel recorrente, o fez magistralmente trazendo a luz definições sérias e substanciais, quanto a importância da atuação  OAB não só no Estado de Direito, mas para a sociedade em geral.

A constitucionalidade da prova não foi apenas mantida em relação a sua legitimidade legal, mas também com uma argumentação ampla e irrefutável, o STF manifestou-se pela importância social do exame, desqualificando assim qualquer chance futura da prova ser derrubada pelo Legislativo.

Como se não bastasse, a pura e simples manutenção da constitucionalidade da exigência da prova para os Bacharéis de Ciências Jurídicas e Sociais, os ministros ainda abriram portas para outras profissões (Medicina e Engenharia) criarem provas no mesmo padrão, uma vez que segundo o relator tanto o Direito, quanto a Medicina e a Engenharia devem ter provas de proficiência, pois são profissões que lidam diretamente com a vida humana, sendo seu mau uso capaz de produzir danos irreparáveis à sociedade!

Boa ministro, é isso aí!

Parabéns a OAB pela brilhante vitória e a todos os advogados que, assim como eu, passaram dias e noites inteiras estudando e foram aprovados no Exame!

E, aos Bacharéis em Ciências Jurídicas e sociais fica a dica: chega de livre exercício de jus esperniandi, o jeito mesmo é estudar!

Atendimento T.H.O.S. não é 10 é 1000!

Por Joséli Costa Jantsch Ribeiro

Em dezembro do ano passado, ganhei do meu maridão um IPad e assim que ele chegou em casa comecei a procurar por uma Case para ele. Não queria algo comum, portanto comecei a pesquisar nos sites americanos e na própria Apple que, infelizmente, apesar de ter o produto que escolhi (uma Case de couro vermelha que vira uma bolsa) não enviava o produto para o Brasil e a Apple daqui ainda não havia recebido o produto.

Depois de alguns dias de pesquisa, consegui achar o site do fabricante e, para minha surpresa, eles não só faziam vendas pelo site, mas também entregavam no Brasil…Após trocar alguns e-mails com a fabricante do produto (sim a Case é fabricada artesanalmente), optei por um certo modelo, entrei no site fiz a compra, paguei a vista com cartão de crédito o valor do produto, mais o do frete (U$179).

Assim que a compra foi confirmada, recebi uma notificação da fábrica dizendo que assim que ela fosse postada receberia o Número de Rastreio, tudo belezinha até aí….Passou uma semana e nada, dei mais um tempo já que era época de Natal e Ano Novo e sempre as entregas, neste período costumam atrasar…No começo de janeiro recebi um e-mail, onde a fabricante pedia mil desculpas, mas infelizmente o modelo de Case escolhido por mim, devido as vendas na Apple, estava esgotado em seu estoque e que só haveria a possibilidade de me entregar o produto em dois meses…Ela dizia ainda, que sabia que era muito tempo de espera, então se eu aceitasse a troca do produto escolhido por outro mais completo e obviamente mais caro, ela me enviaria naquele instante o produto…

Escrevi para ela perguntando qual seria a diferença de custos, prontamente ela me respondeu dizendo que o produto custava U$50 a mais, mas que não me preocupasse, pois como o erro havia sido da loja ela não me cobraria a diferença.

No começo de março, recebi a minha Case (ficou retida quase um mês na Receita Federal), fui ao correio paguei os impostos e qual não foi a minha surpresa, quando ao abrir o pacote havia uma carta de desculpas, que dizia que devido a todos os problemas e atrasos sofridos, a empresa decidira não me cobrar pelo produto e nem pelo frete.

Como se vê, nos USA a máxima “o Cliente sempre tem razão” ainda é válida e eles presam muito as relações comerciais, ao contrário do que acontece no Brasil. Onde, em alguns casos, ficamos esperando durante meses nossas encomendas e quando elas chegam erradas temos ainda que arcar com o segundo frete (de devolução), para só assim talvez termos estornado os valores pagos pelo produto, um verdadeiro absurdo!

Enquanto comerciantes americanos arcam com suas responsabilidades, os brasileiros não assumem simplesmente nenhum risco!

Parabéns T.H.O.S. pelo excelente tratamento dispensado ao cliente!

Caso Battisti – O BBB Ítalo-brasileiro: Berlusconi X Battisti/Brasil

Por Joséli Costa Jantsh Ribeiro

Muito me envergonhou a decisão tomada pela nossa Suprema Corte no Caso Battisti. Apenas envergonhou, pois surpresa não houve, já que como todos sabemos quantos de nossa atual corte foram empossados pelo governo passado e quantos mais o serão pelo atual, muito em breve teremos uma corte que rezará somente pela cartilha da “Ditadura Socialista”velada, que hoje a todos nós comanda!

A corte baseou sua decisão de soltura de Cesare Battisti, no fato de que este sr. seria merecedor do título de Asilado Político, posto que seus crimes ocorreram contra um regime anti-democrático. Vejamos, conforme dados facilmente achados na internet, a Itália é desde, o fim da 2ª Guerra Mundial, uma democracia, sendo ora socialista e ora não; pois bem contra este Estado Democrático Italiano voltaram-se, cada uma a seu tempo, tanto a máfia, quanto os extremistas de esquerda e de direita. Sim, todas as organizações mencionadas, de uma forma ou de outra, usaram do terrorismo afim de tomar o poder político. Todos, foram levados a julgamento e sentenciados, de acordo com o devido processo e as leis italianas. E, não podia ser diferente, já que cidadãos italianos que cometem crimes em solo italiano, só podem ser julgados e sentenciados pelas cortes italianas. Ou seja, nenhum outro país tem autoridade ou competência jurídica para ir contra tais determinações.

Nos anos 80, militantes políticos explodiram uma bomba em uma estação de trem de Bolonha, 85  pessoas inocentes morreram. Pergunto, em que a morte de tais pessoas  difere da mortes provocadas pela máfia em 1992, quando um juiz, sua esposa e seu guarda-costas tiveram suas vidas ceifadas, também por uma bomba? Porque no caso do juiz, os membros da Cosa Nostra foram vistos como criminosos comuns e os militantes políticos foram classificados com inocentes, pois agiam de acordo com suas “motivações políticas”? Lembrem-se em ambos os momentos a Itália era uma Democracia!

Ceasare Battisti, o italiano ao qual o Estado Brasileiro assegurou o status de asilado político foi julgado e condenado conforme as leis italianas, seu crime foi cometido durante o período democrático, logo contra que regime anti-democrático ele estava mesmo a lutar?Ele, tão somente lutava contra um regime que ele não concordava, era apenas mais um camarada socialista querendo mudar o mundo e, como todos sabemos, há outras formas de expressar indignação, mas infelizmente ele optou pela violência gratuita, assassinando pessoas, muitas delas em frente a seus filhos, que sim merecem justiça, já que foram privados da companhia de seus pais!

E, tudo isto para que, somente para chamar atenção. Sim, foi julgado à revelia, um instituto que faz parte do devido processo legal italiano. Fugiu, viveu escondido em países que lhe deram guarita, enquanto comandados por seus camaradas socialistas, ou ainda, em países que não possuiam acordos de extradição com a Itália. Fugiu, pois lhe faltou coragem para enfrentar as consequências de seus atos, posto que se inocente fosse, nada teria a temer. Fugiu, de livre e espontânea vontade, assumindo o risco da revelia e, por isto não deve ser premiado com a liberdade!

Infelizmente, foi premiado pela corte brasileira e agora vive entre nós como asilado político e mais adiante também a este assassino será ofertado o status de cidadão brasileiro. Decisão esta totalmente coerente com os preceitos emanados pelo nosso ex e também pelo atual Poder Executivo (já que o judiciário deixou de ser  independente faz tempo)!

Pergunto, porque todo este humanitarismo não foi, a seu tempo, ofertado aos pugilistas cubanos, habitantes de um país notoriamente conhecido por não ser um Estado de Direito? Ou, a indefesa iraniana apedrejada por ser adultera? Em nenhum dos casos em questão o Brasil pensou em colocar em dúvida o devido processo legal e as “leis” que regem tais países, por que?Simples, são decisões emanadas por seus amigos socialistas.

Hoje, os pugilistas encontraram abrigo na Alemanha, mas infelizmente graças a prepotência e às convições políticas ultrapassadas de nossos governantes, o Brasil é piada internacional. Como senão bastasse perder as aspirações ao G20, ainda levou para o seu buraco a Índia e a China, que também estão sendo ameaçadas de ter suas pretensões ao G20 canceladas.

E, tudo isto porque nossos governantes insistem em rezar por um cartilha política ultrapassada! Hello, alguém deveria mostrar que, nem os ditos países socialistas puros são os mesmos, URSS já acabou faz tempo (as estátuas dos camaradas foram devidamente destruídas) e Cuba está indo pelo mesmo caminho!

E, o Brasil, como sempre na contramão da história tentará mais uma vez, sem êxito lutar por um regime utópico! E, enquanto isto acontece, nós cidadãos assistimos ao fim das relações internacionais entre Itália e Brasil!

De minha parte, só desejo que Berlusconi tenha coragem e serenidade para implementar todas as medidas de retaliação contra o Brasil e que este apenas seja o primeiro país da Comunidade Europeia a fazer isto.

Como Renato Russo já cantava, o Brasil nada mais é do que um país composto por uma corja de assassinos, de estupradores e ladrões! Ou se ainda não o é, não tardará em sê-lo!

Comprar na Ana Beauty é assim…

Por Joséli Costa Jantsch Ribeiro

Como uma boa internauta que sou venho hoje aqui para relatar, o primeiro problema que tive em uma compra virtual. E, olha, que compro um monte via internet!

Em janeiro deste ano, conheci a loja virtual Ana Beauty, no twitter. No dia 27 de janeiro, entrei no site da loja e fiquei interessada por alguns produtos, que naquela ocasião estavam em lançamento na M.A.C., selecionei aqueles que mais me interessaram e no dia 27 de janeiro enviei um e-mail solicitando as informações abaixo:

 "En Ene 27, 2011, Jô Jantsch R. <jantsch@terra.com.br> escribió:
  Dados de Contato através de Formulário do Site
  Nome: Joséli Costa Jantsch Ribeiro
  E-mail:jantsch@terra.com.br
  Telefone:
  Comentário:
  Marquise d’ Sandy cream peach (Lustre) (Limited Edition)
  (Repromote from Brunette, Blonde, Redhead ’09)
  Opulash Mascara Black Black (Permanent)
  Nail Lacquer Obey Me True red (Limited Edition)
  Skin Finish Golden Lariat True coral with fine gold shimmer/Soft suntanned, bronze/Soft gold with fine shimmer (Limited Edition)
  Oi Gostaria de saber o valor dos produtos acima e qual é a forma de pagamento, bjs
  Joséli Costa Jantsch Ribeiro."
Só recebi um retorno do meu contato do dia 01/02/2011:
"Em 01/02/2011 01:20, Ana Paula Beauty escreveu:
 OI JOSELI
 SEGUE LINK DA COLEÇÃO COM VALORES
 http://www.anabeauty.com.br/?p=1217
 Aceito encomendas até o dia 12/02 , Produtos no Brasil dia 20/02
 Para encomendas da coleção mulher maravilha o ideal é efetuar o quanto antes pois vou fazer pré reserva para não ter perigo de ficar sem :)
FORMAS DE PAGAMENTO
Deposito bancário Bradesco, Caixa econômica, Itaú, Santander ou Banco do Brasil.
Aquardo seu email
Beijos
visite o site
www.anapaulabeauty.com"

No mesmo dia, assim que recebi a resposta, enviei:
"En Feb 1, 2011, Joséli Jantsch <jantsch@terra.com.br> escribió:
 Oi Ana vou querer:
 Nail Lacquer Obey Me True red (Limited Edition)
 Opulash Mascara Black Black (Permanent)
 Por favor, me mande os dados da conta do Itaú, Obrigada."

Foi somente no dia 05 de fevereiro que recebi os dados da conta para o depósito, então no dia 7 efetuei o depósito na conta indicada e enviei via e-mail o comprovante de depósito, juntamente com o endereço para a entrega.
No dia 1 de março, a dona do site entrou em contato comigo via e-mail dizendo:
"Em 01/03/2011 11:29, Ana Paula Beauty escreveu:
 oi joséli
 duas de minhas caixas não chegaram a tempo se vc não puder esperar ate dia 15/03 me passe os dados bancarios para devolução do valor depositado
 beijos
 visite o site
 www.anapaulabeauty.com

No que, prontamente, respondi a ela que não haveria problema algum em esperar pelos produtos até sua chegada em 15 de março.
Foi somente no dia 28 de março que a lojista em questão fez novo contato comigo:
"Em 28/03/2011 00:54, Ana Paula Beauty escreveu:
 OI JOSELI
 ESTOU DE VOLTA COM SEUS PRODUTOS
 NAIL LACKER OBEY ME TRUE RED = 48,00
 OPULASH MASCARA BLACK BLACK = 58,00
 QUAL SEU CEP PARA CALCULO DO FRETE
 BEIJOS
 visite o site
 www.anapaulabeauty.com"
Mesmo revoltada com a demora e com o fato da lojista, mesmo tendo descumprido o prazo de entrega, estar me cobrando o frete, como queria muito os produtos, no mesmo dia respondi ao e-mail, enviando o meu endereço com o CEP, novamente.
Foi somente no dia 08 de abril que recebi outro e-mail agora com o valor de frete + a parte faltante do pagamento pelos produtos. No mesmo dia efetuei o depósito e enviei um e-mail com o comprovante de depósito para a lojista.
Esperei pacientemente por um novo contato até o dia 17 de abril, quando resolvi enviar o seguinte e-mail para esta lojista:
-----Mensagem original-----
De: Joséli Jantsch [mailto:jantsch@terra.com.br]
Enviada em: domingo, 17 de abril de 2011 11:20
Para: encomendas@anabeauty.com.br
Assunto: informações sobre minhas encomendas

Olá, já faz umas duas semanas que enviei a parte faltante do pagamento,
frete mais a diferença de preço e taé agora nada das minhas encomendas
chegarem, será que até o Natal vou recebe-las?
Joséli Costa Jantsch Ribeiro...

No dia 18 de abril, ela me respondeu dizendo que iria me enviar os produtos no dia seguinte, agora sentem para não cair, sabe quando a encomenda foi postada em 2 de maio, 3 meses após o pagamento. Recebi o pacote no dia 05 de maio, e um dos produtos veio errado, no dia seguinte enviei o seguinte e-mail:
Oi Ana, Olha só, depois de 3 meses de espera finalmente chegaram os meus produtos, qual não foi a minha surpresa quando abri a caixa e vi que o esmalte veio errado, ninguém merece, encomendei um nail laqueur Obey me true Red (obviamente vermelho), e o que chegou foi um azul Spirit of truth. Sinceramente, o que devo fazer, já paguei o frete, mesmo com todo o atraso envolvido na entrega e agora pra te devolver vou ter que pagar o reenvio novamente?!?Sinceramente, não acho certo, afinal paguei sempre tudo em dia, e só eu estou saindo prejudicada nesta transação...
Joséli Jantsch Ribeiro.
Também postei vários twitts para ela, infelizmente estou até agora sem resposta!E, por isto decidi postar a minha saga pessoal aqui no blog, para evitar que outras pessoas entrem de gaiatas...

Entradas Mais Antigas Anteriores

%d blogueiros gostam disto: