Planejando a viagem

Por Joséli Costa Jantsch Ribeiro

Em outubro de 2010, um casal de amigos, que se conheceram através de mim, durante nossa viagem ao Uruguay no Carnaval de 2010, nos convidou para acompanhá-los a Buenos Aires na semana do Carnaval de 2011. Eles, naquele momento, já haviam comprado as passagens e fechado com o hotel, através de uma promoção no decolar.com. Pensamos a respeito e, após uma semana de buscas por promoções, escolhi um hotel e ligamos para o nosso agente de turismo, que nos conseguiu um pacote muito bom.

1ª Dica: escolha um destino para suas viagens com antecedência e, de preferência, monitore as promoções de passagens aéreas e dos hotéis com frequência. Fazendo isto, você ao contrário de nós, conseguirá um pacote mais em conta ainda. De forma alguma deixe para comprar o pacote no mês anterior à viagem, a não ser é claro que ela vá ocorrer em um período não relacionado a feriados. Exemplo: nosso pacote que inclui passagens ida-e-volta, hotel para 8 dias e 7 noites e city tour, saiu por U$700, hoje o mesmo pacote para 4 dias e 3 noites está pelos mesmos U$700.

2ª Dica: se possível escolha um vôo que tenha a volta pelo Aeroporto Internacional de Ezeiza, ele fica mais afastado da cidade, mas o Duty Free é muito melhor. Conforme informações que obtive recentemente o Duty Free do Aeroporto Jorge Newberry, é tão fraco quanto do Aeroporto Salgado Filho. Em outras palavras, caso você só consiga passagens para o Jorge Newberry, é melhor já ir preparado para comprar em Buenos Aires mesmo, não deixando para comprar no Duty Free. (A realidade dos fatos: o Duty Free do Jorge Newberry, não é tão pequeno assim, aproveite e compre muito, os preços são realmente tentadores, claro que como em todo Duty Free, tem-se que ter sorte. Ele é bem maior que o de Porto Alegre).

3ª Dica: Apesar do Real estar bastante valorizado em Buenos Aires (em algumas lojas: Hard Rock Cafe, Falabela e de malhas a cotação é maravilhosa e ainda te dão descontos), leve consigo dólares (na chegada a cotação estava 3,90 e no último dia já estava em 4,20). Segundo informações de amigos, se o real já é valorizado, o dólar então é uma piada, vale muito à pena. Lembre-se, se possível não faça câmbio no Aeroporto, habilite seu cartão do banco para saque internacional (e evite surpresas desagradáveis) ou compre um cartão de saque aqui, não deixe para fazer o câmbio no Banco de La Nácion (filas enormes e muitas agências não tem este serviço), procure casas de câmbio (San Telmo, Shoppings e Lotericas). Caso, você não tenha transfer saque ou cambie o necessário para o deslocamento até o hotel, dificilmente mais do que 100 pesos para saídas do Jorge Newberry.

4ª Fazendo as malas: Leve uma mala grande, de preferência deixe metade do espaço livre e lembre-se sempre o peso máximo de bagagens despachadas é de 23kg e de 5Kg para bagagens de mão. Leve uma bagagem de mão, com roupas de emergência, sem líquidos (coloque estes em saquinhos Zip, dentro de sua bagagem despachada e não se esqueça, todos os líquidos devem estar nas embalagens originais). Caso, tenha a necessidade de levar remédios, não se esqueça de pedir a um médico uma receita. As regras de arrumação de bagagens mudam um pouquinho se você vai acompanhado, por exemplo para um casal: lembre-se de levar duas malas grandes, separe as roupas suas e de seu marido/esposa e coloque metade delas em cada uma das malas, assim se uma das malas for perdida, você ainda terá roupas lá; e, em relação, as bagagens de mão leve uma com roupas reserva e outra dobrada dentro. Não se esqueça de colocar etiquetas de identificação nas malas: na ida (com seu endereço de casa e com o endereço de seu hotel e data de chegada e partida) e na volta só com o endereço de casa. Ainda coloque alguma coisa que torne fácil a identificação de sua mala, amarre fitas ou cole adesivos. Ah! Importante, as regras alfandegarias mudaram mais uma vez, para não ter uma surpresa infeliz na volta, caso você leve Ipad, Notebook ou Tablets, não se esqueça de levar as notas fiscais, pois mesmo com sinais de uso, quase ficaram com o meu Ipad!

5º Documentação: Sempre digo o seguinte, apesar dos países limítrofes ao Brasil não exigirem passaporte, se você o tem, leve consigo. Importante, apesar de sempre levar a carteira de habilitação e a minha carteira da OAB, estes documentos não são aceitos como Identidade, então não se esqueça de levar sua Carteira de Identidade com foto atualizada. Durante o vôo será fornecido a você um formulário para preenchimento e posterior entrega na Polícia Federal, guarde bem este documento, pois na volta você terá que entregá-lo!

6ª Dica: faça um seguro saúde e um seguro para suas bagagens.

7ª Dica: Não se esqueça de liberar seus cartões de crédito.

8ª Dica: Confirme as passagens com 48h de antecedência e caso possa, faça o check-in pela internet, assim você poderá chegar ao aeroporto e somente fazer o despacho das bagagens, evitando as terríveis filas de check-in. Chegue com antecedência ao aeroporto!

9ª Dica: acesse o site “Buenos Aires sem segredos” e leia a respeito das atrações turísticas da cidade e dicas de visitação, compras e alimentação. Pesquise a respeito da cidade e monte com calma o seu roteiro. Eu já montei o meu, só espero conseguir fazer tudo!

Nos próximos capítulos, o roteiro conforme planejado e como realmente ocorreu, hehehe…

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: