Planejando a Viagem, Viajando e Chegando

Tudo começou, uns três meses antes da viagem, conseguimos boas promoções de passagens e acomodações…Foi uma corrida contra o tempo para conseguir toda a documentação necessária à retirada do visto canadense, mas no fim tudo deu certo!
Como não conseguiríamos o visto americano a tempo, optamos por passagens que não tivessem conexões nos USA, aqui vai o primeiro conselho, caso seja possível faça a conexão nos USA, tire o visto americano, é bem melhor e menos cansativo!
Depois de fazermos o passaporte e tirarmos o visto, confirmamos nossas passagens (compradas através de uma agência de turismo) e nossa estadia no hotel (reservando através de http://www.hoteis.com) e, por fim, esperamos o dia da  tão sonhada viagem. Aqui, fica a dica, pesquise bastante e escolha com sabedoria um hotel, que de preferência tenha cozinha!Nós, escolhemos o Sunset Inn & Suites e a experiência foi nota 10, estou louca para voltar!
No dia em questão, acordamos as 7h da manhã, chegamos ao Aeroporto Internacional Salgado Filho (POA/RS) com 1h30min de antecedência e só para variar estava um caos, filas e mais filas de check in, voos atrasados e nenhum funcionário dando informações. Nosso voo estava marcado para as 10h40min, mas acabamos decolando somente às 12h. Situação absolutamente normal, nesta rodoviária de luxo que chamamos de aeroporto!
Chegamos ao Aeroporto Internacional de Cumbica por volta das 14h, retiramos nossas malas, passamos na Receita Federal para registramos nossos equipamentos eletrônicos (uma enorme perda de tempo, só tivemos que registrar um celular) e também na Anvisa para fazer a Certificação Internacional de Livre de Febre Amarela. Perdemos quase 1h30min., procurando por um restaurante, nenhum funcionário do Aeroporto sabia dar informações, quaisquer que fossem, quando finalmente achamos o restaurante, ele já não estava mais servindo almoço, acabamos almoçando no Mc Donalds.
Às 17h, o balcão da Air Canada abriu para Check in (no lugar do balcão da TAP, sim eles não tem um balcão próprio, o que causa grande confusão), ficamos até as 18h30min. na fila, saímos de lá direto para a zona de embarque, já que o nosso voo estava marcado para as 19h25min., acabamos decolando somente as 21h.
Após quase 10h de voo chegamos ao Aeroporto Internacional de Toronto, não tivemos tempo para nada, passamos na imigração, fizemos check in e check out (carrinhos de bagagem tem taxa de uso, U$2) e  embarcamos para mais 5h de voo até Vancouver.
Fizemos ambos os voos pela Air Canada, durante a parte internacional fomos muito bem assessorados pelos comissários de bordo (excetuando-se um que não entendia o que falávamos, o inglês dele não era lá muito bom), a janta e o café da manhã foram muito bons, não deixe de experimentar o Ginger Ale (refrigerante de gengibre, é muito bom). Já a parte doméstica Toronto-Vancouver, deixou bastante a desejar, durante as 5h de voo, só tivemos direito a bebidas e café, sendo que o café com leite era servido frio, comidas somente pagando!
A chegada à Vancouver (às 8h da manhã) foi bem tranquila, retiramos as malas e fizemos uma horinha no Aeroporto, fui até o Starbucks comprar um café, chegando lá pedi por um café bem doce, eles me indicaram o Mocha Chocolate Branco, sinceramente me decepcionei, era bem amargo, há cafés bem melhores em Porto Alegre! Não compre nada na farmácia do Aeroporto, tudo é muito caro!
Pegamos um táxi híbrido (combustível e elétrico) até nosso hotel Sunset Inn and Suites (35 dólares)!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: